Fale Conosco
  • phone
    (21) 3269-1684 \ (21) 3269-1628
  • location_on

    Av. Maria Teresa, 260 – bloco 03, sala 620 - Campo Grande, Rio de Janeiro – RJ.

Deixe sua Mensagem

Tributação na Prestação de Serviços – Saiba qual é o melhor regime tributário para o seu negócio!

Tributação Na Prestação De Serviços Saiba Qual é O Melhor Regime Tributário Para O Seu Negócio - Contabilidade em Campo Grande - RJ | Verdant Gestão Contábil - Tributação na Prestação de Serviços – Saiba qual é o melhor regime tributário para o seu negócio!

Você já teve todo o trabalho de montar a sua empresa, precisou fazer diversos trâmites para deixar tudo em ordem com as obrigações fiscais, teve de consultar os nomes que ainda estavam disponíveis para que, além de chamar a atenção do seu público-alvo, ainda não tivesse problemas no momento do registro… olha só, eu sei o quanto isso pode ser complicado – ainda mais se essa for a primeira empresa que você monta – porém, ainda resta uma questão extremamente importante e que vai impactar diretamente no sucesso da sua empresa de prestação de serviços. 

Sim, nós estamos falando da tributação na prestação de serviços! 

Escolher a melhor carga tributária, como já dissemos, vai impactar diretamente no sucesso da sua empresa. Afinal, quanto menos você gastar – e não digo isso apenas em relação aos impostos – mais dinheiro terá para conseguir manter em caixa e, consequentemente, investir em melhorias, como a infraestrutura do seu Q.G. (quartel general), a contratação de mais funcionários para te apoiarem… enfim, são diversos tipos de investimentos que você pode fazer para impulsionar o seu negócio.

Visto isso, para que você consiga economizar ao máximo com a tributação na prestação de serviços, separamos algumas informações muito relevantes que vão modificar totalmente a sua visão e te ajudar a implementar uma gestão mais assertiva quando estamos falando da sua carga tributária. 

E então, vamos lá? 

Confira Nossas Especialidades - Contabilidade em Campo Grande - RJ | Verdant Gestão Contábil

Regimes Tributários

Antes de falarmos um pouco sobre os impostos que incidem à prestação de serviços, é necessário conhecer cada um dos regimes tributários existentes no país. Afinal, para que você consiga escolher o seu, é preciso que entenda qual deles deverá onerar uma quantidade menor do seu dinheiro, concorda? 

Simples Nacional 

O Simples Nacional é a regime tributário conhecido por ser simplificado. Com ele todas as guias de impostos serão unificadas a uma única, o DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). 

Para que sua empresa de prestação de serviços consiga se adequar ao Simples Nacional, é necessário seguir alguns pré-requisitos: 

  • ter receita anual bruta de até R$3.600.000,00;
  • ser uma empresa de pequeno porte que tenha faturamento anual de no mínimo R$360.000,00 até o limite de R$3.600.000,00.

Esse é o regime mais simples que a tributação nacional apresenta – assim como o nome indica.

Lucro Real

O lucro real é um regime de tributação que apresenta diversas particularidades, diferindo totalmente do Simples Nacional. 

Esse regime tributário é voltado à empresas que tenham faturamento anual superior a R$78 milhões. Sendo assim, as alíquotas incidentes são calculadas em relação ao lucro real do empreendimento, ou seja, a subtração da receita sobre as despesas. 

Contudo – mesmo não sendo o seu caso – é necessário frisar que esse regime de tributação é obrigatório para empresas que atuem no setor financeiro. 

Lucro Presumido

O Lucro Presumido consiste num regime tributário com foco em empresas que tenham faturamento anual que não exceda o valor de R$78 milhões. Sendo assim, bem como o anterior, qualquer empresa pode se enquadrar nesse regime, desde que essa ação seja rentável.

Neste caso, tanto o CSLL (Contribuição Social Sobre O Lucro Líquido) e o Imposto de Renda tem base em uma alíquota definida pela Receita Federal.

E então, conseguiu compreender? 

Agora que você já conhece a tributação nacional, vale estudar lado a lado com um profissional contábil o enquadramento da sua empresa de prestação de serviços. Afinal, para que você consiga economizar, é necessário ter o apoio de um profissional, não é mesmo?

Tributos incidentes a prestação de serviços 

Ainda pensando em um bom planejamento para a sua empresa de prestação de serviços, é necessário que você conheça cada um dos impostos que incidem à sua atividade, para que, dessa forma, não se depare com surpresas ao fazer o pagamento dos impostos! 

Vamos lá? 

  • Imposto sobre Serviços (ISS);
  • ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços);
  • IRPJ (Imposto de Renda de Pessoa Jurídica);
  • CSLL (Contribuição Social Sobre O Lucro Líquido);
  • COFINS (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social) e PIS (Programa de Integração Social).

Agora basta se alinhar a cada uma das obrigações da sua empresa e lutar muito para alcançar o sucesso que sempre quis! 

Caso precise de ajuda para definir o melhor regime tributário para empresas de prestação de serviços, entre em contato com a gente! 

Será uma grande prazer poder te ajudar! 

Summary
Qual é o melhor regime tributário para Prestação de Serviços?
Article Name
Qual é o melhor regime tributário para Prestação de Serviços?
Description
Você já teve todo o trabalho de montar a sua empresa, precisou fazer diversos trâmites para deixar tudo em ordem com as obrigações fiscais, teve de consultar os nomes que ainda estavam disponíveis para que, além de chamar a atenção do seu público-alvo, ainda não tivesse problemas no momento do registro… olha só, eu sei o quanto isso pode ser complicado - ainda mais se essa for a primeira empresa que você monta - porém, ainda resta uma questão extremamente importante e que vai impactar diretamente no sucesso da sua empresa de prestação de serviços. 
Author
Publisher Name
Verdant
Publisher Logo

Marcadores:

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts frequentemente em seu email.

Comentários

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of